Seguidores

20 de mai de 2013

Lição Bíblica - 8 dia 26 de maio de 2013

Lição Bíblica - 8ª lição - dia 26 de maio de 2013


.....................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................

Educar pra quê?

Podemos pensar em diversas razões. Algumas delas são:
  • Capacitação financeira (o bem estar financeiro do aluno),
  • Capacitação cultural
  • Qualidade de vida
  • Futuro das gerações
  • Futuro do próprio planeta

Mas, por que uma educação “religiosa”?

O cristianismo sempre teve a grande preocupação de educar e ensinar. A motivação era descobrir a verdade de Deus para a glória de Deus, tanto a verdade de Deus nas Escrituras, como na Natureza.
Harvard, considerada a melhor universidade pela Times Higher Education (THE), foi fundada pelo pastor John Harvard. A faculdade Mackenzie foi fundada há 142 anos por protestantes. Contudo, com o tempo perdemos a noção da importância da educação e deixamos a educação nas mãos dos incrédulos. Deixamos de ser cristãos que pensam e refletem sobre todos os aspectos da vida para viver um cristianismo sentimental e enclausurado.

Não existe educação “neutra”.

Algumas escolas tem a noção de que existem dois tipos de educação: educação secular + educação cristã. Contudo, não existe educação neutra. Sempre existirá uma ideologia por trás da educação. Não necessariamente uma ideologia política, mas sempre existirá uma “religião” por trás da educação, um pressuposto, uma cosmovisão que influenciará naquilo que o educador ensina.
Cosmovisão são como lentes sobrepostas (pressuposições) pelas quais vemos o mundo e há várias camadas de interpretação que formam a nossa cosmovisão pessoal, conforme mostra a imagem abaixo.
camadas-de-interpretacao
A educação cristã… consiste em ensinar tudo, de ciências e matemática a literatura e artes, dentro da estrutura de uma visão de mundo bíblica e integrada. Significa ensinar os estudantes a relacionarem todas as disciplinas à verdade de Deus e sua auto-revelação nas Escrituras, enquanto detectam e criticam as afirmativas da visão de mundo não-bíblica. (Colson & Piercey, E Agora Como Viveremos?)
Em uma escola cristã não existe educação secular, pois toda educação cristã procede da cosmovisão das Escrituras, quer ciência, quer teologia. Sendo assim, uma escola cristã não é aquela que faz somente um culto durante a semana, ou uma oração antes da aula, mas aquela que ensina seu conteúdo sob a perspectiva cristã.

O que nos leva a educar?

Nós temos uma visão reducionista, achando que a Bíblia só é aplicável dentro das paredes da igreja, achando que quando a bíblica fala de educação, ela está falando somente de EBD (Ensino Bíblico Dominical)
Estes, pois [repetição dos dez mandamentos], são os mandamentos, os estatutos e os juízos que mandou o SENHOR, teu Deus, se te ensinassem, para que os cumprisses na terra a que passas para a possuir; para que temas ao SENHOR, teu Deus, e guardes todos os seus estatutos e mandamentos que eu te ordeno, tu, e teu filho, e o filho de teu filho, todos os dias da tua vida; e que teus dias sejam prolongados. Ouve, pois, ó Israel, e atenta em os cumprires, para que bem te suceda, e muito te multipliques na terra que mana leite e mel, como te disse o SENHOR, Deus de teus pais. [...] Estas palavras que, hoje, te ordeno estarão no teu coração; tu as inculcarás a teus filhos, e delas falarás assentado em tua casa, e andando pelo caminho, e ao deitar-te, e ao levantar-te. (Dt 6:1-3, 6-7)
Neste texto vemos que a ordem do ensino vem de Deus e que o ensino tem um propósito dado por Deus; e o próprio Deus concede a autoridade do ensino aos pais. Deus também concede dons de ensino e equipa pessoas específicas para ensinarem o corpo de Cristo. Sendo assim, a escola cristã é um auxílio aos pais que delegam sua autoridade a escola para ensinar seus filhos. Contudo, a escola jamais pode substituir e jamais conseguirá substituir os pais.


Fonte:http://voltemosaoevangelho.com
......................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................
"Dá instrução ao sábio, e ele se fará mais sábio ainda, ensina ao justo, e ele crescerá em prudência". Provérbios 9.9
"Pois tudo quanto outrora foi escrito, para o nosso ensino foi escrito, a fim de que, pela paciência e pela consolação das Escrituras, tenhamos esperança". Romanos 15.4
EDUCAÇÃO
A educação cristã vai muito além da estrutura física, currículo e materiais didáticos. A educação cristã consiste em construir o conhecimento, levando os aprendizes a serem ativos participantes no processo educacional, ao invés de meros ouvintes passivos. O ensino é muito mais do que apenas depositar conhecimento no cérebro do aluno, levando a memorizar dados – Paulo Freire chama esta prática de modo pejorativo: educação bancária.
Segundo o dicionário Houaiss da Língua Portuguesa: Educação é o ato ou processo de educar(-se). Educar é dar (a alguém) todos os cuidados necessários ao pleno desenvolvimento de sua personalidade. Educar é também transmitir, a saber: dar ensino a, instruir. Educação é a aplicação dos métodos próprios para assegurar a formação e o desenvolvimento físico, intelectual e moral de um ser humano; pedagogia, didática, ensino.O conjunto desses métodos: pedagogia, instrução, ensino. O desenvolvimento metódico de uma faculdade, de um sentido, de um órgão. Ex: da memória, do paladar, do intestino. O conhecimento e observação dos costumes da vida social; civilidade, delicadeza, polidez, cortesia.
O que é educação? Poderíamos dizer que educação é um processo contínuo, que se desenvolve a vida inteira, independentemente de ambiente escolar.
EDUCAÇÃO CRISTÃ
A educação cristã tem como objetivos proporcionar o desenvolvimento do indivíduo como um todo e lhe oferecer condições de crescer em sua vida espiritual, no conhecimento de Deus e das Escrituras. Esse crescimento leva em conta o ser humano em seus aspectos físicos, emocionais, espirituais e sociais. Nosso exemplo maior de desenvolvimento integral é o próprio Jesus, pois a Bíblia nos relata que ele "[ ... ] crescia em sabedoria, em estatura e em graça diante de Deus e dos homens" (Lc 2.52).(MOLOCHENCCO, 2007, p. 16).
A educação cristã somente cumpre sua missão quando olha para o indivíduo de forma integral, pois o desenvolvimento das pessoas abrange os aspectos físico, emocional, social e intelectual. No ensino das Escrituras é um erro tentar abordar o ensino bíblico levando em conta somente um aspecto do ser, o aspecto intelectual, deixando assim de observar as diferentes etapas de desenvolvimento das pessoas, bem como de atentar para suas emoções e os relacionamentos interpessoais desenvolvidos ao longo do processo educacional.
Objetivo da educação cristã: alcançar maturidade como cristãos para que possam ser sal da terra e luz do mundo.

Fonte:http://www.comunhao.org.br/ensino/educacao-crista.html

Divulgação: www.jorgenilson.com

Nenhum comentário: