Seguidores

20 de out de 2008

PT e padres preparam manifesto contra rejeição a Marta

PT e padres preparam manifesto contra rejeição a Marta

Em mais uma ofensiva para diminuir a rejeição de Marta Suplicy, petistas e padres da chamada ala progressista preparam um manifesto para ser distribuído em várias missas, no próximo domingo. A mensagem, que deve ser batizada de Carta aos Cristãos, tem o objetivo de diluir os preconceitos de católicos que torcem o nariz para Marta por causa da defesa feita por ela do direito ao aborto e da união civil entre homossexuais.
A idéia começou a ser discutida na terça-feira entre religiosos da Região Episcopal de Belém e o chefe de gabinete do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Gilberto Carvalho, que entrou na campanha com a tarefa de "desmontar preconceitos" contra Marta. Na Carta aos Cristãos, os padres devem recomendar o voto na petista.
O argumento a ser usado no manifesto, para atrair os votos dos católicos, é o de que a candidata apoiada por Lula sempre seguiu os princípios da fraternidade e da solidariedade em seu governo. Nas conversas que manteve com padres e evangélicos, nos últimos dias, Carvalho disse que o governo Marta (2001-2004) foi voltado para "os pobres e a prática da caridade".
Todo o esforço da equipe de Marta é para reduzir o índice de rejeição da petista — na casa de 32%, segundo o Ibope. Além da panfletagem nas igrejas, o comitê petista também prepara um grande ato com os evangélicos, amanhã à noite. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.
Fonte: Yahoo Notícias, 17 de outubro de 2008

Nenhum comentário: