Seguidores

30 de jul de 2008

Gays matam gay e Tv Aratu e o GGB distorcem notícias para apoiar o PLC/122

Jorge Nilson
Mais uma vez a liderança homossexual manipula os dados sobre violência contra homossexuais no Brasil, e engana a população no intuito de ganhar mais apoio à sua causa. Em um relacionamento à três, dois gays mataram outro gay para roubar e nesta noticia simplesmente o GGB e a TV Aratu relacionaram este crime ao ato de "homofobia". Veja a reportagem:
29/07/2008
"Enterro de homem assassinado no Vale dos Lagos será na tarde de hoje
O corpo de Benedito Souza Bispo, de 35 anos, será enterrado às três da tarde de hoje, no cemitério Bosque da Paz. Benedito foi encontrado morto a golpes de faca na manhã de ontem em seu apartamento, no Condomínio Conjunto Mata Atlântica II, no Vale dos Lagos, em Salvador. Segundo informações da polícia um menor de 17 anos foi apreendido no local do crime acusado de ter cometido o assassinato com ajuda de um outro jovem de 18 anos que conseguiu fugir.
O menor foi encaminhado à Delegacia do adolescente infrator e o outro acusado está sendo procurado por agentes da 10ª delegacia. Existe a suspeita de que a vítima fosse homossexual e que os dois rapazes estivessem em seu apartamento realizando um programa".
Na reportagem televisiva, o criador do GGB, Luiz Mott, relacionou este crime a "homofobia".
Na realidade houve um latrocínio e não um crime relacionado a opção sexual da vitima, pois os acusados também eram gays, já que estavam fazendo um programa sexual no apartamento da vitima.
Como sempre, a liderança gay usa e abusa dos números para favorecerem a aprovação do projeto de PLC/122 que tramita no Senado. Existem outro texto que mostram como eles trabalham manipulando a população:
http://juliosevero.blogspot.com/2006/05/o-uso-e-abuso-gay-da-palavra.html
http://juliosevero.blogspot.com/2007/03/onde-esto-os-espancadores-e-assassinos.html
http://juliosevero.blogspot.com/2007/06/parada-gay-fazendo-farra-com-os-nmeros.html

Nenhum comentário: