Seguidores

28 de ago de 2011

Até onde vai a parcialidade do aparelho judicial em prol dos gays?

Até onde vai a parcialidade do aparelho judicial em prol dos gays?

Jossy Soares

A decisão do Juiz da Sexta Vara Cível de Ribeirão Preto-SP de mandar retirar, sob pena de multa de R$ 10.000,00, os textos bíblicos contra a prática homossexual de out-doors instalados pela cidade, traduz, mais uma vez, para nós cristãos o espírito que está orientando o
pensamento de muitas autoridades do presente século.

Uma forma de pensar e de agir que subverte a lógica e a justiça de acordo com a direção que sopram os ventos dos movimentos de liberalismos social. As ações são tão subservientes a tais movimentos que até mesmo o mais comezinho dos princípios de direito se torna
“absolutamente relativo” frente as novas cognições, que nada mais são que instrumentos de afirmação do jeito de ser dessas minorias que querem ditar o comportamento da sociedade.

Dias desses, liberaram a apologia (marcha) da maconha em nome da liberdade de expressão. Agora a mesma justiça (pois o judiciário é uno) vem a público dizer que não se pode divulgar o que a Bíblia diz sobre homossexual ismo. Nada mais paradoxal.

Estamos diante de uma justiça que força os conceitos. Operadores do direito com comportamentos parciais. Que para defender a apologia a um tipo de droga ilícita usam a liberdade de expressão e forçam, e como forçam, o uso dessa liberdade. Ao mesmo tempo, para não se indispor com a ditadura gay, subtraem a liberdade de expressão a que tem direito os cidadãos cristãos de divulgar o texto bíblico que exprime a opinião do Livro Sagrado sobre a prática do homossexualismo.

É importante manter claro em mente que não temos a pessoa do homossexual como ameaça ou inimigo. Na verdade, devemos dar a eles amor e compaixão, mas não podemos esconder que Deus não aceita a prática do homossexualismo. A Bíblia assim o diz.

Isto nos faz pensar que realmente estamos diante de um novo momento histórico. Um momento de mudança de paradgimas, de implantação de uma nova maneira de pensar, onde tudo é permitido, exceto pregar toda a Palavra de Deus em público. Um ambiente onde nada é proibido desde que você não seja um cristão autêntico. Onde se reconhece dois tipos de cidadãos: aqueles que estão alinhados com a nova consciência social ou cósmica mesmo), e aqueles que mantêm sua consciência cativa à obediência de Cristo. O Estado acaba por criar dois tipos de cidadãos, quebrando e princípio de igualdade de todos perante a Lei (CF
art.5.º).

O que fazer! Nós cristão sabemos muito bem o que nos espera enquanto estamos neste mundo. A Bíblia prevê um cenário cada vez mais difícil para a permanência da Igreja e seus valores neste mundo.

O espírito do anticristo já opera no mundo. São João disse que muitos se têm feito anticristos (I João 2.18). A cada dia vemos esta palavra cumprida de forma mais efetiva, de forma que ser anticristão é cada vez mais normal. Alguns nem percebem que são anticristos, pois estão embarcados por osmose na onda promovida pela mídia e por alguns intelectuais
cooptados pela ditadura das minorias. Todavia, a cada dia, nossa condição de peregrinos neste mundo tem que ser mais evidente. Nós não somos daqui, Nossa pátria é no céu (Hebreus 13.14 e Filipenses 3.20). Isto é fato. Isto é real. Sabemos que toda a verdade será torcida propositalmente para tornar o mundo mais propício ao governo mundial anticristão. Isto começa por cada nação deste mundo, independente de suas cores ideológicas. No final, teremos apenas duas ideologias, uma cristã e outra anticristã. Como nosso Reino não é deste mundo, a ideologia anticristã conseguirá implantar nas mentes “racionais” dos homens as mais irracionais das afirmações, os mais ilógicos dos pensamentos e as mais injustas das
sentenças. Tudo para promover os tempos difíceis relatados na Bíblia,
onde os homens serão amantes de si mesmos (II Timóteo 3.1,2).

Cristãos, levantemos nossas cabeças! Nossa redenção está próxima.

JOSSY SOARES é discípulo de Jesus Cristo. Advogado, membro da Assembléia de Deus em Cuiabá-MT e membro da Diretoria da Agência Pés Formosos – Movimento Evangélico Universitário - http://www.pesformosos.org.br/


Divulgação: www.jorgenilson.com

Nenhum comentário: